Centros de Serviços | PRONTO SOCORRO | Pronto Socorro

Pronto Socorro


Desde 2014, o Pronto Socorro passa por reestruturações muito importantes como o aumento da área física, a separação física da unidade ambulatorial, adoção de uma nova ferramenta para classificação de risco - o Protocolo de Manchester, além de um sistema informatizado de gestão de fluxo do paciente – oferecendo uma assistência mais individualizada.

O sistema de classificação de Manchester possui uma metodologia científica, aprovada internacionalmente, que confere segurança aos pacientes que buscam atendimento, sem privilegiar a ordem de chegada, mas de acordo com o risco ou gravidade que ele apresenta.

Todo o paciente que chegar no Pronto Socorro para consultar retira uma senha no Totem, aguarda o chamado para sala de triagem, onde o Enfermeiro realizará a Classificação de Risco. Após essa avaliação os pacientes são identificados com adesivos de cores correspondentes a um dos cinco níveis estabelecidos pelo sistema:

 

- vermelho (Emergência);

- laranja (Muito urgente);

- amarelo (Urgente);

- verde (Pouco urgente);

- azul (Não urgente).

 

Em relação ao Ambulatório que integra a infraestrutura do Pronto Socorro, o seu funcionamento fica a disposição da comunidade das 7h às 19h, recebendo demandas de curativos, teste de glicose, aplicação de medicamentos, revisões médicas, entre outros procedimentos eletivos. A proposta de trabalho da unidade é atender de forma ágil, eficiente e, sobretudo, oferecer segurança ao atendimento do paciente desde a sua entrada até o momento da sua alta ou encaminhamento aos setores de internação. 

O Pronto Socorro atende cerca de 7 mil atendimentos/mês.